Tel: (32) 3025-7555

Social

SINÉQUIA DE VULVA

Diante da sinéquia vaginal, também conhecida como coalescência de pequenos lábios, é preciso orientar, sobretudo, a boa higiene local. Pode-se adotar a conduta expectante, para os casos de coalescência parcial em criança assintomática e sem complicações (dificuldade de urinar, infecção de urina, vulvovaginites), aguardando resolução espontânea com a melhora da higiene e após o fim do uso de fraldas. A partir da puberdade, a estrogenização fisiológica também pode promover resolução espontânea.(1)

Para os casos sintomáticos (prurido, ardor, corrimento vaginal) ou na presença de complicações, pode-se recomendar o tratamento tópico com cremes estrogênicos, creme de betametasona a 0,05% ou vaselina pura. Após a separação, é necessário manter a região higienizada e umedecida ( óleo infantil ou cremes a base de vitamina A e D) por pelo menos 30 dias.(1) A abordagem cirúrgica é controversa e raramente indicada. É importante esclarecer os responsáveis que não se trata de uma malformação e reforçar os cuidados de higiene, pois as vulvovaginites favorecem a recidiva.(1)

Contate-nos

Visite-nos hoje

UNIDADE 1
Av. Rio Branco, 3747 - Cep: 36021-630 - Juiz de Fora - MG

 

Horário de Atendimento

De segunda à sexta-feira das 08:00h às 21:00
Plantões aos sábados das 08:00 ás 12:00 na CMI 

Seja livre para nos contatar

cmi@powerline.com.br
UNIDADE 1 (32) 3025-7555
WPP PARA ORÇAMENTOS (32) 99100-6304